sexta-feira, 7 de dezembro de 2018

Quarto


Há um quarto por aí,
na encruzilhada
de estradas
e caminhos,
onde nascem
pérolas,
rosas,
e outras
cousas  minhas.

Há um quarto por aí,
na linha do tempo,
onde cascatas
do teu ser
se derramam
em meus olhos
e a tua pele
me sacia
a fome de amor.

Há um quarto por aí,
no rio manso
da saudade,
onde sei de mim
ao percorrer
teu corpo
morno
por entre veludos
e ganas de te querer mais.


4 comentários:

Bella disse...

Obrigada pela visita ao meu cantinho.
Tenho marcadores em papel e em croché e também faço com fita.
Se quiseres posso-te enviar fotos por email.

Bjs


Rejane Tazza disse...

Muito lindo e todos temos QUARTOS e quartos...Gostei de te ler novamente! bjs, lindo fds! chica

Francisco disse...

Beijinhos e bom fim de semana

Mari-Pi-R disse...

Siempre hay un deseo de querer más, lo importante es estar agusto en el pequeño espacio, feliz semana.