sexta-feira, 17 de abril de 2015

. . . teu olhar . . .



Derramaste teu olhar sobre mim,
viraste-me do avesso
viajando em contradições
que nem o tempo lembra.

Despiste meu corpo, 
minha mente,
minha alma,
com teus olhos,
à revelia das palavras.

Trocaste o curso do rio
por onde me sou,
desinquietaste-me vontades,
julgadas adormecidas,
surpreendeste-te em mim,
eu sei.

Vestiste o olhar 
que se me colou,
o qual não consigo despir
muito menos lavar,
em pele a chamar por ti.

Derramaste o teu olhar sobre mim,
quente,
em avassaladoras recordações
de hoje, 
quiçá,
de sempre.




30 comentários:

► JOTA ENE ◄ disse...

... será o meu olhar ??? :)

Bom f-d-s !!!!

✿ chica disse...

Olhar intenso e poema lindo! bjs, chica

Rute Beserra disse...

Um olhar fulminante. Beijos, bom final de semana

Morning Dreams disse...

Absolutamente incrivel!!

xoxo, Sofia Pinto

Morning Dreams

Maria Eu disse...

Há olhares assim, que nos marcam para sempre.

Beijos. :)

PEQUENOS DELITOS RENOVADOS disse...

Monica.... o olhar é tudo....
O olhar é ver, enxergar, extrair as emoções olhos nos olhos...
E tuas palavras traduzem essa íntima sensação...
Como sempre...lindo!!!

Laura Santos disse...

Belo poema sobre o tal olhar que nos despe e nos vira do avesso.
xx

Cidália Ferreira disse...

Que poema lindo e intenso!!Adorei

Beijinho, bom fim de semana
http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

Edumanes disse...

De tanto derramar o olhar sobre ti!
ficou, assim, virado de pernas para o ar
está tudo maluco, se é que já percebi
neste mundo de nada me admirar
mais vele assim, do que surdo
ou do que mudo sem falar!

Gostei como gosto sempre,
dos poemas que tu escreve
quem a falta de alguém sente
com saudades nunca se esquece!

Tenha bom dia amiga Pérola, um beijo,
Eduardo.

Ricardo- águialivre disse...

Quem olha com amor quase que não precisa de palavras para transmitir o que sente. Essa uma das mais belas forças do olhar. Gostei muito do poema

Deixo cumprimentos
Bom fim de semana
.
http://pensamentosedevaneiosdoaguialivre.blogspot.pt/

Arco-Iris e Meu Velho Baú disse...

Lindo .....
Vale a pena debruçar o olhar por este poema
Bjs
Bom fim de semana

EU disse...

Que poderoso olhar!
Acho que o devias conservar :)
Agora, a sério: gostei imenso, Pérola!
BJO :)

Juliana Rosa disse...

Derramastes o teu olhar. Existe forma mais pura de amor? Não pois os olhos verdadeiros jamais enganam e são transparentes tanto que podemos ver sua alma. Lindo e profundo. Abraços.

Elvira Carvalho disse...

Há olhares assim. Ficam-nos gravados na alma e na memória.
Um abraço e bom fim de semana

Elisabete disse...

Os olhares são poderosos.
A foto é tão estranha...
Bjs

Cláudia disse...

Ai ai ai que sempre que aqui venho saio com ideias =P

Beijocas

tulipa disse...


Olá

Poema lindo e intenso!
Parabéns.


nasci num dia de Abril
é o meu mês

e, quantas e quantas vezes
Olho da janela (olhar)
...
vejo a "Natureza" à minha frente
respiro o ar puro

Cada dia que passa, AMO mais a "Natureza"!

mas isso sou eu

Espero que tenha passado uma Santa e Feliz Páscoa!

Estive fora 6 dias
precisava de momentos de renovação
e isso só consigo quando saio daqui... para longe!

Trouxe novas fotos dos lugares que visitei,
se quiser espreitar:

http://momentos-perfeitos.blogspot.pt/

Um abraço e bom fim de semana
Tulipa

Ana S. disse...

Basta um olhar para fazer com que o mundo vire ao contrário. E se eles são o reflexo da alma, o que dizem? :)

Mona Lisa disse...

Magnífico poema que arrepia de tão intenso!

Beijinhos.

Andreia Morais disse...

Está absolutamente incrível!

r: Também tive muitas saudades, ainda bem que estás de volta :)
Espero que tenha mudado tudo para melhor.

Beijinhos*

emanuel moura disse...

Um olhar avassalador ,um lindo momento de poesia querida amiga Pérola,muitos beijinhos.

vendedor de ilusão disse...

Criação que me causa deslumbre, tal a beleza.
Abraço.

Elyane Lacerdda disse...

Que poema lindo,amiga!
Saudades de vc,querida!
gosto de mais de seus textos literários!
Bjus um lindo final de semana!
http://www.elianedelacerda.com

Cidchen disse...

Escrita maravilhosa. Poema erótico. :)

POESIAS SENSUAIS E CONTOS disse...

Parabéns pelos os expressivos versos... Um feliz fim de semana.

José Carlos Sant Anna disse...

Este transitivo verbo, derramar, revela também que certas felicidades parecem obras do acaso, como um acerto na loteria. Como nunca o sabemos em absoluto, o melhor que fazemos é nomeá-lo, gozá-lo ainda que poeticamente!
Beijos, Pérola!

bonequinha nota mil disse...

Que o seu Olhar seja cada vez mais Lindo!!! Beijos minha Querida! Fique com Deus!

Graça Pires disse...

É o que se chama virar uma pessoa do avesso. Gostei muito.
Beijo.

Francisco disse...

Adorei :)

Beijinhos

Agostinho disse...

No desassossego do amor.