sexta-feira, 27 de maio de 2016

Só por Hoje



Só por hoje,
deixo a tinta secar
em palavras escritas por ti,
silêncios tatuados na minha pele,
desejos e vontades desenhados na ponta  da tua pena.

Só por hoje,
permito-te a ousadia de me penetrares
em íntimos ocultos,
confidências onde te sou página em branco.

Só por hoje,
abandono-me em tuas mãos,
ofereço-te o corpo virgem,
por onde te podes aventurar
e escrever o momento 
onde somos sol e lua,
terra e mar
em Todo só nosso.

Só por hoje,
quero-te como guião do meu filme,
argumento a estrear,
em falas, palavras e takes
que me viram do avesso,
marcada por ti.

Só por hoje,
desliza-te em mim,
como quiseres,
pois dei férias às amarras,
e soltei o atrevimento nu 
de me oferecer-te.


6 comentários:

Poesia do Bem disse...

Só por hoje viver intensamente o amor. Lindo. Vem ver nossa ação de incentivo á leitura

Crocheteando...momentos! disse...

Só por hoje...viverei uma noite de paixão!
Gostei e bj

emanuel moura disse...

Belo viver querida amiga ,um momento riquíssimo ,muitos beijinhos no coração.

Demian disse...

Bellisimo...

Crocheteando...momentos! disse...

Só por hoje...viverei uma noite de paixão!
Gostei e bj

Elvira Carvalho disse...

Só por hoje eu queria ter metade do seu talento, poeta.
Um abraço e bom fim de semana