domingo, 22 de dezembro de 2013

Casa


" Quem busca a felicidade fora de si é como um caracol que caminha em busca da sua casa." 
Constâncio C. Vigil


Casa não é morada, 
muito menos residência.

Casa tem cheiro de lar,
refúgio de berço.

Casa despe-nos integralmente,
rouba-nos máscaras
e somos, simplesmente, nós.

Casa tem borralho de lembranças,
saudades de lumes extintos.

Casa pode ser covil,
pouso seguro.

Casa é onde a felicidade mora
e nós a reconhecemos.

Casa mobilada de afetos,
amores e desamores,
onde a dor também habita.

Casa é pátria do nosso 'Eu',
com língua, costumes e fronteiras só nossas.

Casa é local interior,
chão firme onde os nossos sonhos podem descansar.

Casa ... para onde me quero mudar,
onde estás ?

Pérola


23 comentários:

Jeniffer Parker disse...

Adorei :)
Bom Domingo :D

AC disse...

Adorei este teu poema. Costumo dizer que casa é onde mora o nosso coração, onde nos despimos das rotinas e do parecer bem...

Beijinho
Bom Natal

Anna Marian disse...

Gosto muito :) Eu costumo dizer que casa é onde nos sentimos bem e de momento? A minha casa é nos braços de quem amo. Um beijinho grande e Feliz Natal xxx

Cidália Ferreira disse...

Maravilhoso!

Excelente Domingo.

beijinhos

Feliz Natal

Mona Lisa disse...

Tantos de nós que tendo casa não a têm!!!

Beijinhos.

Laura Santos disse...

Belo poema! A casa é sempre o nosso primeiro mundo.
xx

Francisco disse...

Gostei muito :D

Beijokas

Nilson Barcelli disse...

Casa é isso mesmo.
Excelente, foste brilhante neste poema.
Minha querida amiga, desejo-te um FELIZ NATAL e um PRÓSPERO ANO NOVO.
BOAS FESTAS
para ti e para a tua família.
Beijo.

Vendedora de Opiniões disse...

Concordo plenamente. A felicidade tem de ser encontrada dentro de cada um. Tem de ser na nossa "casa". Não podemos viver a vida à procura da nossa casa.

Elisabete disse...

Lar, doce lar!
Felicidades

M D Roque disse...

A nossa casa é o nosso castelo, o nosso aconchego, a nossa concha... o meu casulo.... Lindo poema.

Beijinho e Feliz Natal .D

nos"entas!!!! ( e feliz) disse...

A nossa CASA....
Como eu valorizo a nossa ...o nosso lar...o nosso canto..
Home is where your heart is...

A minha é aqui....onde o meu mini está <3

beijo enorme!!
Adorei o poema

edumanes disse...

Já não sei de onde venho.
Caminhando pelo escuro
A certeza eu não tenho
Se a casa é chão seguro!

Não tem duas portas.
Sai à rua para ver o sol
A casa carrega nas costas
Sem pressa vai o caracol.

Leva ranho no nariz!
Por que não pode correr
No seu habitat, já não é feliz
Em paz não o deixam viver!

Andava perdida a felicidade!
Na escuridão à procura do amor
Em Abril encontrou a liberdade
Nas pétalas de uma flor!

Um beijo
Eduardo.

Sonhadora (RosaMaria) disse...

Minha querida

Que neste Natal a magia da criança que fomos esteja presente nos nossos corações...que não seja apenas uma comemoração de um dia, mas que se prolonguem por todo o ano...unindo almas com o carinho de uma palavra...o calor de um abraço...a doçura de um sorriso.

FELIZ NATAL junto de todos os que amas

Um beijinho com carinho
Sonhadora

Jack disse...

otimooo diaaaa

Mira disse...

Casa é tudo isso, nosso refúgio,
nosso mundo afetivo, por isso hoje
dia frio, fiquei quentinha em minha
casca, beijos

Maria Rodrigues disse...

Um encanto de poema, adorei. Hoje venho especialmente para Desejar que a Paz, Harmonia, Saúde e Amor estejam hoje e sempre presentes na sua vida. Um NATAL muito FELIZ .
Beijinhos
Maria

Dorli disse...

Olá Pérola
Você tem um jeito lindo de fazer poesias com lindas metáforas.
É na nossa casa interior que vive o nosso eu.
Boa Segundona!
Beijos
Lua Singular

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Hoje passo só para desejar Feliz Natal e convidá-la a passar pelo CR para levar a prenda que o Pai Natal lá deixou para si

lis disse...

Oi Pérola
Desejando que sua inspiração esteja cada vez mais aflorada no ano que inicia.
Obrigada por compartilhar esse dom maravilhoso das palavras,
Feliz Natal.
com meus abraços

Zilani Célia disse...

OI PÉROLA!
USAS AS METÁFORAS EM TEUS TEXTOS COM MAESTRIA.
QUE TEU NATAL SEJA DE MUITA PAZ E AMOR, TAMBÉM PARA TEUS ENTES QUERIDOS.
ABRÇS
http://zilanicelia.blogspot.com.br/


Magda Carvalho disse...

Gostei do poema-
Bjs

Beatriz Bragança disse...

Querida
Um pensamento muito profundo e um poema inesquecível que dá vontade de ler e reler.muitos parabéns.
«Casa» é o nosso lar,o nosso canto, o nosso ninho, tudo,mas tudo,para cada um de nós.
E o se interior,querida Margarida,aquele onde se aloja o seu coração,é tão rico,tão grande,tão sábio,tão doce...
Fez uma óptima,linda e muito poética descrição.
Muitos beijinhos
Beatriz