terça-feira, 24 de março de 2015

Lá . . . onde moro.



Habito irregularidades
de outro mundo
onde visões de cores,
 por etiquetar,
me assombram,
me deixam no abismo da loucura.

Por lá deixo correr a imaginação,
tudo é possível 
no faz de conta
da minha verdade.

São enredos que me transformam,
projetos de vontades,
sonhos por cumprir
a chamarem-me,
lá, 
da outra parte de mim.

Minha casa é a fantasia,
pensamentos que me escapam,
segredos só meus,
onde sou anjo, 
demónio e sei lá que mais,
mas, 
sempre na ilusão de me ser,
de poder ser-me.





35 comentários:

Zulmira Romariz disse...

Pérola, a imagem é fantasia pura, linda, gostei, quanto ao poema é o máximo, lindo e poético, beijo amiga

emanuel moura disse...

Maravilhoso momento onde os sonhos ganham asas ,muitos beijinhos querida amiga Perola.

✿ chica disse...

Simplesmente linda!!! beijos,tudo de bom,chica

AFRODITE disse...


Minha querida, conjugação perfeita da imagem com o teu poema.
Senti-me a espreitar... lá... onde moras!

Só falta uma coisa para tornar este ambiente mágico ainda mais etéreo... uma música.
Tomei a liberdade de escolher ESTA para ti.

Beijinhos do outro lado do "espelho de água"
(^^)

Jovem $0nhador@ disse...

Tinha saudades de ler estes textos :) beijinhos

Maria Eu disse...

Que as fantasias sejam doces.

Beijos, Pérola. :)

Poesia do Bem disse...

Bom viver no mundo da fantasia e imaginação onde tudo d ebom acontece e o mal não pode existir, bjs e tem muita novidades no blog

Francisco disse...

Gostei muito

Beijos

Manuel Luis disse...

Lindos sonhos.
Bj

Andreia Morais disse...

Nos nossos mundos paralelos podemos ser o que quisermos.
Adorei o poema!

Edumanes disse...

Lá onde moras, és feliz,
na tua quinta, comes amoras
a sonhar, namoras e sorris
só com a primavera te incomodas?

Não te dá o calorzinho de que precisas,
mas,não ralha com ela, tem atenção
porque se não te manda para as urtigas
e elas te fazem no corpo danada comichão?

És uma mulher apaixonada,
pela natureza
que não te falte nada
bem mereces mulher portuguesa!

Boa noite e bons sonhos, um beijinho.

Mirtes Stolze. disse...

Boa noite Perola.
Muito linda a poesia, onde os sonhos ganham assas. Uma feliz noite.
Beijos.

Rosemildo Sales Furtado disse...

Olá Pérola! Passando para agradecer a tua visita e teu gentil comentário, assim como apreciar este lindo poema, ilustrado com tão bela imagem.

Beijos,

Furtado.

Claudia Rodrigues disse...

Fantástico :D bonitas e verdadeiras palavras!!
Bj

Pedro Coimbra disse...

Mundo de aventuras???

Arco-Iris e Meu Velho Baú disse...

Maravilhoso,,,,,,
Muito verdadeiro.
Beijinhos

Anjinha Sexy disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Cidália Ferreira disse...

Um poema soberbamente bom.

Beijinho e um dia feliz
http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

Graça Pires disse...

A imaginação e o sonho é que nos dão o talento para fazer o poema. Parabéns.
Um beijo.

Guaraciaba Perides disse...

OI, Pérola...existe um lugar dentro de nós onde livres das personas do mundo podemos encontrar o nosso Eu, verdadeiro e íntegro e onde podemos ser.
Lindo e verdadeiro poema !
um abraço

Guaraciaba Perides disse...

OI, Pérola...existe um lugar dentro de nós onde livres das personas do mundo podemos encontrar o nosso Eu, verdadeiro e íntegro e onde podemos ser.
Lindo e verdadeiro poema !
um abraço

Bell disse...

Essa confusão mora dentro da gente...

bjokas =)

Crocheteando...momentos! disse...

Seu cantinho é uma verdadeira poesia!
Gostei imenso...bj

Laura Santos disse...

Somos essa potência, plena de inquietação, que aspira a ser acto.
Belo poema; entre o que somos, o que desejamos, e o que gostaríamos de ser. Estar sempre a meio caminho...
xx

Juliana Rosa disse...

Uma poesia sobre fantasia? Perfeita para mim, que muitas vezes gosto de visitar o lado de lá e viver um pouco de fantasia. Lindamente escrita. Bjos e uma maravilhosa quarta-feira.

Agostinho disse...

Por mais que faça e desfaça regresso à certeza do ninho.

Mariangela do Lago Vieira disse...

Oi Pérola!
Um lugar só nosso, livres das imposições que nos acarretam, num encontro perfeito com nosso eu.
Lindo poema!
Beijos,
Mariangela

Cláudia disse...

Muito bonito =)
Sem palavras

Beijocas

Elvira Carvalho disse...

A dualidade presente em quase todos os bons poetas.
Um abraço

Ana S. disse...

Na nossa casa que é a mente, podemos ser tudo e ter tudo. Podemos fantasiar com um mundo melhor e que este mundo também é melhor.
Beijos

vendedor de ilusão disse...

Esse também sempre foi meu desejo: pode ser-me!

Arco-Iris e Meu Velho Baú disse...

Como sempre gostei muito....
Beijinhos

Arco-Iris e Meu Velho Baú disse...

Pérola , apesar de não ser muito fã de inquéritos, respondi a um e (desculpa) mas mencionei o teu blogue
Beijinhos
:(

Marina Fligueira disse...

Que bonita y grande es tu ilusión y tu fantasía, cosa necesaria para ser un tanto feliz en la vida. Si faltan los sueños todo termina.
Te deseo lo mejor de la vida, junto a un abrazo.

Se muy feliz.

José Carlos Sant Anna disse...

Nenhum lugar tem a intensidade dos nossos sonhos, mas um lugar que tenha ventos que se desfaçam devagar em aragem arrebatando os nossos cabelos já nos faz bem...
Beijos, Pérola!