quinta-feira, 26 de março de 2015

Com saudades . . .


O tempo trouxe o pó das recordações,
o cheiro de rio na minha pele,
aqueles anos onde cresci,
sem o saber,
sendo feliz na aventura.

Na sombra do tempo,
vieram as saudades,
a consciência do que sou
pelo que fui
ou deixei de ser.

Lavei o presente desse tempo,
sacudi o pó das suas botas,
limpei o seu caminho
e por ele me embrenhei,
destemida,
em demanda de voltar a ser.

Uma vez mais,
dependuro a infância,
a secar do banho de nostalgia,
ainda a escorrer lembranças
da menina que sou.


52 comentários:

Lilá(s) disse...

Sempre que penso na infância sinto saudades! das pessoas importantes na minha vida que já perdi...das brincadeiras, da casa...enfim de tudo...como era feliz!
Bjs

Elvira Carvalho disse...

Óh! Parece o Bias da minha neta.
Tenho tão poucas lembranças de infância, que mereçam ser recordadas, que nunca dariam para escrever um poema.
Um abraço

✿ chica disse...

Que saudade linda!Adorei! bjs, chica

Jovem $0nhador@ disse...

Como gostava de voltar a ser menina ;)

emanuel moura disse...

Adorei este lindo momento ,todos crescemos ,mas continuamos com as recordações de outros tempos , momentos onde o presente e o passado se cruzam nas saudades ,muitos beijinhos

Pedro Coimbra disse...

Gosto mais de saudades do futuro.
BFDS

Poesia do Bem disse...

Também me sinto assim quase smepre, saudosa de minha infância, do tempo em que não havia preocupações. bjs e tem novidades no Poesia depois passa lá.

Guaraciaba Perides disse...

Oi, Perola, somos assim , um pouco de infância sempre resiste em nós e isto é bom.
Um abraço

PEQUENOS DELITOS RENOVADOS disse...

Pérola... um poema de uma ternura muito grande... falar de nossa história, de nossas lembranças...do tempo em que, sendo crianças, víamos o mundo com os olhos da inocência!!!!

Cidália Ferreira disse...

Bom dia Pérola

Há coisas que no deixam muitas saudades.
Gostei do poema.

Vem fazer um brinde comigo...
Beijo, bom fim de semana.

http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

Mariangela do Lago Vieira disse...

Oi Pérola!
Que bom carregarmos junto de nós um pouco da nossa infância.
Tempos que não podem serrem esquecidos...
Lindo poema!
Beijos Pérola, e um ótimo final de semana!
Mariangela

Crocheteando...momentos! disse...

A doce infância num abordagem poética!
Bj amigo

Crocheteando...momentos! disse...

A doce infância num abordagem poética!
Bj amigo

Bell disse...

Sdd e lembranças sempre vão permancer

bjokas =)

Bell disse...

Sdd e lembranças sempre vão permancer

bjokas =)

Ricardo- águialivre disse...

Quando se pensa na infância recordamos factos que ficaram gravados para sempre na nossa memória. É nostálgico mas sempre encantador...mesmo que por vezes algo nos afecte e faça rolar uma lágrima de saudade.
Tive pena do urzinho pendurado por uma orelha, lool
.................
Deixo cumprimentos

EU disse...

Não tenho tido tempo de visitar os espaços d@s amig@s, sendo uma das razões o registo de memórias. Saudosas apenas pela doçura dos momentos.
Faz bem escrevê-las. Constituem também a nossa memória.
Lindo poema, Pérola.
Bjo :)

Ana S. disse...

Ai as saudades!
Quem tem a sorte de ter uma infância feliz, lembra sempre os bons momentos que passou com desejo de voltar a ser tudo como dantes!
Beijos

José Carlos Sant Anna disse...

O tempo, esse relógio eterno, sempre vigiando os nossos passos é um verdadeiro nó górdio em nossas vidas, e sempre em vão tentamos desfazer esse nó.
Não obstante, vamos digerindo a vida ainda que cheio de cansaços.
Beijos, Pérola!

ReltiH disse...

UN TEXTO MUY EVOCADOR.
ABRAZOS

Isa Sá disse...

é bom recordar o que nos fez feliz

Isabel Sá
https://brilhos-da-moda.blogspot.pt

Andreia Morais disse...

As saudades sacodem-nos por dentro. Trazem parte de nós à memória!

Beijinhos*

Nal Pontes disse...

Oi Peróla, já estava com saudades desse cantinho e lendo o seu poster mais saudades ainda, estou chegando do cantinho da Chica. "Coisinhas da Chica" que tmb fala em saudades. É a vida é assim... Ela vai passando e deixando um rastro de saudades. Belo poster. Bjs

Nana disse...

Não tenho saudades do tempo de infância, mas tenho saudades especificamente dos meus 16 anos... os últimos anos onde a minha vida fez sentido.
Bj e fk c Deus.
Nana
http://procurandoamigosvirtuais.blogspot.com.br

Graça Pires disse...

Saudades da infância. Sobretudo da inocência. Gostei muito do poema.
Beijo.

Carpe diem to me disse...

A infância nunca se esquece! São momentos felizes que nos ajudam a crescer!
Gostei muito do poema,
Beijinhos

Fê blue bird disse...

Parabéns um poema muito bonito.
Voltar à infância é sempre muito inspirador e terno.

beijinho e bom fim de semana

Look Day disse...

Que bonito e reflexivo. Um ótimo momento para voltar, uma pena que não dá.

Beijos.

Gracita disse...

As lembranças sempre trarão saudades
Elas ficam alojadas no coração e num determinado momento elas afloram com intensidade
Um abençoado e feliz domingo querida Pérola
Beijos

Patrícia disse...

Saudades...estava de vir aqui ler seu lindos versos, cara amiga cheia de talento.
Beijos, Pérola.

Maria Rodrigues disse...

Como sabe bem lembrar os nossos tempos de infância.
Lindo poema!
Beijinhos
Maria

Maresia disse...

Com saudades reapareço qual fénix renascida para verificar que continua a escrever maravilhosaamente bem e com sentimento. Parabénsssssss

Bergilde disse...

Marcas de um passado que deixou suas importantes recordações acolhendo como refúgio essa linda poesia que partilhas aqui.Abraço fraterno desejando uma Feliz Páscoa pra ti!

vendedor de ilusão disse...

Lembrar de coisas belas, sempre nos é prazeroso. Gostei do poema!
Abraço.

Cláudia disse...

Muito bonito!

Manuel Luis disse...

Conserva a menina que eras, levanta poeira e chapinha nas poças de água da chuva. As saudades vem sempre. Precisamos é dos momentos que nos fazem felizes.
Bj

Marta Moura disse...

Gostei muito!

Mirtes Stolze. disse...

Bom dia Pérola.
Muito bom lembrar o tempo de infância. Um feliz més de abril. Beijos.

Elyane Lacerdda disse...

Lindo demais,amiga!
Somos ainda crianças, guardamos dentro de nós todos os bons momentos da infância!
Bjus e linda páscoa,amiga!
http://www.elianedelacerda.com

Arione Torres disse...

Oi amiga, vim lhe desejar uma Feliz Páscoa, beijos e fique com Deus!!

SOL da Esteva disse...

As Memórias podem ser lavadas, secas, coradas pelo tempo, mas mantêm viva a construção do tempo.
Excelente Poema.


Uma Santa Páscoa.


Beijos


SOL

CÉU disse...

Quem as não tem?

Beijinhos e feliz Páscoa!

Giancarlo disse...

Gli auguri più sinceri per una Santa Pasqua lieta e serena!
Un abbraccio...ciao.

Daniel C.da Silva (Lobinho) disse...

uma Santa Páscoa na certeza de que precisamos de ressuscitar na alegria, na esperança e no amor, todos os dias. Beijinho

Agostinho disse...

Gosto do tom pérola, um branco com patine.
Páscoa feliz, Pérola.

Ricardo- águialivre disse...

Boa tarde.
Independentemente da publicação que está fantástica, o blogue http://pensamentosedevaneiosdoaguialivre.blogspot.pt/, deseja que passe(m) um DOMINGO de PÁSCOA muito feliz - com muito Amor, Paz, Saúde, e muitas amêndoas docinhas - se possível junto da família e/ou amigos de verdade.
Deixo cumprimentos.
Ricardo, Águia_Livre

Brisa Petala disse...

BOA TARDE QUERIDA
Que este nosso pequeno mundo virtual seja cada vez mais humano.

Que tudo o que sonhamos se transforme em realidade.

Que o Amor pelo próximo seja nossa meta absoluta.

Que nossa jornada de hoje esteja repleta de flores.

Feliz Páscoa

POESIAS SENSUAIS E CONTOS disse...

Parabéns pelos momentos. Um texto expressivo. Um mundo de novidade.

Lilasesazuis Gata disse...

Pérola,

Tive uma infância super feliz!

Adoro recordar...seus versos me remeteram à ela.

beijinhos, tenha uma semana bem bonita,

Lígia e =^.^=

Armando Sena disse...

O tempo, esse "ditador" que tudo nos ensina.
beijo

JOTA ENE ✔ disse...

Saudades ? De mim ? Quem sabe, eheh !

Digamos que sou uma boa companhia. Quiçá, um dia tiramos as teimas. Acredita que sou !!!!!!!!!!

Edumanes disse...

Porque te foste embora,
no estendal o deixaste pendurado
preso apenas por uma mola
pobre, boneco, coitado....

Um beijinho.