quinta-feira, 19 de março de 2015

Quero voltar a esse ninho . . .



Tenho um pai
mestre em arquitectura,
construiu um ninho 
para onde posso voltar
com lágrimas na bagagem.

É um lar com cheiro a doce,
local único,
por lá nada de mal me acontece,
tenho a certeza.

Meu pai carrega 
esse aconchego com ele,
tatuou-o em sua pele
e só nele me sei.

Perdida na ausência de seus braços,
sem o seu ninho,
onde volto a ser menina
e o seu olhar me protege,
resto-me por recordações
feridas por cicatrizar.

Com saudades,
ando perdida,
paizinho,
para onde foste?


47 comentários:

Crocheteando...momentos! disse...

O pai tem esse poder...de levar consigo o lar e nele os seus!
Bela escolha para um dia especial!
Bj amigo

✿ chica disse...

Que linda e tocante saudade!!bjs, tudo de bom,chica

Ana S. disse...

Olá Pérola!
O pai é o amparo nos momentos tristes, o porto seguro onde a nossa alma descansa.
Quando ele não está mais presente fica a saudade...
Beijos

Carmem Grinheiro disse...

Pérola,
Belo poema.
O meu não era mestre da arquitetura - o ninho que construiu valeu-se enquanto o teve a amparar as fissuras ;)
O seu deixou-lhe um ninho onde se refugiar e descansar suas asas, tão bom.

Há pouco tempo publiquei mais um escrito às custas de lágrimas e ranho, mesmo após tanto tempo.

Se quiser espreitar.

http://doladodosol.blogspot.pt/2015/02/carta-de-despedida.html

um bjn amg

Laura Santos disse...

Tocante poema. O pai parte e deixa a saudade. O meu pai está vivo mas nunca existiu para nós, nunca significámos nada para ele.
Não sei o que será pior....
xx

Bell disse...

E a sdd novamente tocando em nossas vidas....

bjokas =)

Poções de Arte disse...

Emocionante... a saudade dos que partiram e ainda moram em nós.
Parabéns pelo poema.

Abração e lindo dia.

Edumanes disse...

Para onde se vai mudar...
leva a casota e o passarinho
não pensará mais voltar
tens saudades do teu paizinho!

Um beijinho para ti amiga Pérola,

Poesia do Bem disse...

Uma saudade doída e ao mesmo tempo reconfortante quando nos faz lembrar o amor que vivemos eternamente. Bjs e tem novidades no Poesia, depois passa lá.

Francisco disse...

gostei muito

beijinhos

Cidália Ferreira disse...

Um poema muito bonito
A Propósito é dia do pai!
Gostei muito.

Deixo um beijinho e desejo de um dia feliz

http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

vendedor de ilusão disse...

Que beleza de poema!... Achei maravilhoso, estupendo.
Beijo.

Graça Pires disse...

Um poema muito sensível de homenagem ao pai.
Um pai faz sempre tanta falta...
Beijo.

Arco-Iris disse...

Lindo Poema .....
Bate a Saudade e a vontade de ser criança.
Um beijinho.

( Por falta de tempo, vou estando " No meu velho Baú " )

Alessandra Santos disse...

Olá!
Que lindo poema!!!!
Emocionante!
Um super bjo!

Alê - Bordados e Crochê
Fã Page

Ana Bailune disse...

Apenas feche os olhos. Ele estará lá...

Cláudia disse...

Profunda essa saudade Pérola.

Beijocas

Mariangela do Lago Vieira disse...

Lindo Pérola, esta saudade acompanhará para sempre.
Mas podemos ter a certeza que ele sempre olhará por nós!
Beijos e uma linda tarde!
Mariangela

Ricardo Santos disse...

Bonito poema. O meu também já partiu ! :(((

Andreia Morais disse...

Um pai tem sempre o poder de nos fazer sentir em casa

Beijinhos*

emanuel moura disse...

Felizmente ainda tenho o meu graças a Deus ,um lindo momento de poesia ,beijinhos no coraçao.

Elvira Carvalho disse...

Uma belíssima homenagem a seu pai que o encherá de orgulho onde quer que se encontre.
Um abraço

Pedro Coimbra disse...

O Dia do pai aqui em Macau comemora-se em Junho.
Mas recebi uns miminhos ontem.
E isso é o mais importante.
BFDS

Bergilde disse...

Uma poesia muito comovente.Sentimentos profundos afloram nestes teus versos e isto é Amor!
Abraços,bom dia!

Mirtes Stolze. disse...

Bom dia Perola.
Que lindo poema, tocante, cheio de uma profunda saudade que ate nós fez nós emocionar. Amiga onde o seu pai esteja ele com certeza sente o seu amor e que lhe ver feliz. Um lindo fds.
Um forte abraço.

ReltiH disse...

UN POEMA LLENOS DE MUCHAS SENSIBILIDADES.
ABRAZOS

Mona Lisa disse...

Excelente e comovente homenagem ao teu pai.

Beijinhos.

S disse...

Bonito!
Bj S

Isa Sá disse...

Como eu te entendo.

Isabel Sá
https://brilhos-da-moda.blogspot.pt

Armando Sena disse...

O caminho para o universo de sonhos.

Maria Teresa de Brum Fheliz Benedito disse...

Fico aqui sempre a perguntar, 'por que fostes papai?'
Pergunta sem reposta e a saudade dói.
Linda homeangem querida Pérola.
Grande beijo em seu coração.

Claudia Rodrigues disse...

Sim espero crescer ainda mais vivendo aqui!
Alguma coisa de positivo tinha que ter.
Adorei o texto.. As vezes não damos o devido valor a quem nos deu de tudo! E só percebemos quando acontece alguma coisa ou vamos viver em um local diferente!
Adorei bjs é obrigada :)

Andreia Morais disse...

r: Concordo contigo!

Beijinhos*

Braulio Pereira disse...

no coraçâo eterno.

beijos.

CÉU disse...

O poema, na íntegra, é emocional, mas a pergunta final é dolorosa e apelativa.

Beijinhos!

Maria Rodrigues disse...

Saímos do ninho dos nossos pais, mas o nosso coração está sempre com eles. Maravilhoso poema.
Ontem foi dia Mundial da poesia, não deu para vir felicitá-la mas deixo hoje, os meus sinceros Parabéns e o meu Obrigado, pelos momentos especiais que nos oferece, através das suas poesias.
Beijinhos
Maria

Agostinho disse...

A estas horas está ele a disfarçar um lágrima de felicidade pela filhota que tem. Terá sempre.

Simone Lima disse...

Que lembrança emocionante! Os dias da vida mexendo com a saudade..
Lindo!

Bjoo'o

Lilá(s) disse...

Faz tempo que perdi o meu porto seguro, faz tempo que a saudade por vezes doí tanto...como seria bom voltar a ser criança, sentir aquele abraço...que saudade não é Pérola?
Bjs

Made by Uss disse...

Tãooooo bonito, adorei as palavras!

Morning Dreams disse...

Absolutamente lindo e emocionante!

MORNING DREAMS

Sofia Silva, Beijos*

Pretty in Pink disse...

A nossa casa de familia é dos melhores aconchegos que podemos ter! Com familia lá dentro ainda melhor mas quando não é possivel só o cheiro e as memorias da "nossa" casa já ajudam bastante :)

Beijinho*

Diana Fonseca disse...

As saudades que tenho do meu.

Manuel Luis disse...

Dele tudo te faz falta. Menos a saudade. Essa não te faz falta nenhuma.
Com todo o teu amor demonstras sentimentos para com todos que lêem o teu desabafo.
Bj

bonequinha nota mil disse...

Oi Linda! O meu Pai terreno se foi há 17 anos e eu sempre lembro dele... Ele foi muito bom para mim!Claro que sinto Saudades mas... não sinto mais dor! Depois de 5 anos sem ele, eu conheci o PAI MAIOR! O Deus Vivo é Maravilhoso e sempre supre todas as minhas necessidades! Desejo que este Deus se revele para você e encha a sua Vida de Alegria para sempre! Gosto muito de você! Beijos e fique na Paz do Senhor Jesus!

EU disse...

Um poema belo e original a um pai construtor de ninhos...
Bjo, Pérola :)

JOTA ENE ✔ disse...

Qual ninho? O meu ninho ??? eheheh