sexta-feira, 25 de julho de 2014

Dúvidas de mim



Limito-me no contraste de mim.

Ora sou cor ora me acinzento.

Desconheço o limite,
a fronteira onde me começo.
se é que me termino.

Vivo para lá dos contornos
da silhueta refletida.

Espraio-me por atmosferas alheias,
viajo fora de mim,
sou mais além.

Seja rocha, 
grão de areia,
mar,
ribeira,
temporal ou bonança,
sou sempre Eu.

Pessoa inteira,
ou fragmentada em pedaços,
perdida em lugar algum,
de contrastes feita . . . sem limites.





17 comentários:

ReltiH disse...

un texto que trasmite mucha seguridad y determinación.
un abrazo

Marta Vinhais disse...

E devemos ser sempre o "Eu"...
Que começa e acaba em "nós" pessoa..
Á procura de tudo...
Lindo...
Até já
Beijos e abraços
Marta

Cidália Ferreira disse...

Bom dia Pérola
Ora aqui está um texto que tantas vezes me questiono!as duvidas.
Gostei muito

Beijo e um sábado feliz.

Coisas de Uma Vida 172

Crocheteando...momentos! disse...

Penso que tenho um pouco de tudo isso!
Gostei da busca do EU...Bj

Andreia Morais disse...

Somos sempre esse misto de cor e dias cinzentos, por tudo o que vivemos, queremos viver ou deixamos passar. O importante é nunca deixarmos de seguir em frente, mesmo que o medo se faça sentido

Beijinhos*

Dorli disse...

Oi Pérola,

Dependendo de cada lugar ou sonho somos uma pessoa diferente, mas nada interfere no amor dentro do coração
Beijos no coração
Lua Singular

Patrícia Pinna disse...

Bom dia, Pérola.
O importante é sermos sempre autênticos, seja na nossa força, fragilidade, bonança ou tempestade.
Sempre existirá em nós os contrastes, somos feitos deles.
Tenha um fim de semana de paz.
Beijos na alma.

Redescobrindo a Alma

http://refugio-origens.blogspot.com.br/2014/07/comemorando-o-amor.html

Guaraciaba Perides disse...

OI, PÉROLA ...UM arco íris de efeitos, sensações e vivências ...assim a alma.
um abraço

emanuel moura disse...

O eu que nos destaca dos outros ,as diferenças resumem-se a forma de estar de cada um que tem perante a vida ,muitos beijinhos

vitorchuvashortstories disse...

Olá, Pérola!

Sendo cada um de nós um ser único, tantas poderão ser as "formas" por nós assumidas...

Bonita esta introspecção, e também saudável exercício de auto-estima.

Beijinhos
Vitor

la joie de vivre! disse...

lindo! :D

Isabelita @novamodaemdstq disse...

Adorei!
Te desejo um excelente final de semana.
Beijos!

www.novamodaemdestaque.com

Nal Pontes disse...

Lindo tudo por aqui. quero desejar a vc um domingo lindo cheio de alegria e muita emoção. bjsss

Agostinho disse...

Que limite há no eu?
O tempo de respirar.

Mona Lisa disse...

A eterna procura do nosso eu.

Brilhante poema!

Beijinhos.

Elyane Lacerdda disse...

O Eu sempre em busca de tudo....conflitos existenciais nos acompanham a vida inteira!
Lindo!
Bjus
http://www.elianedelacerda.com

Marisa Giglio disse...

Pérola , realmente temos o claro e escuro dentro de nós . Gostei . Beijos .