domingo, 27 de julho de 2014

O teu Calor




Incendeio-me no teu toque,
pego fogo no vibrar de tuas palavras ,
desabrocho em ti.

No teu quente
desenho a flor de meu querer,
um lume só nosso.

A tua semente,
fecunda,
é combustível da chama,
terra de combustão incontrolável,
por onde germino.

Sei-me por entre labaredas:
sou flor em ferida
nas pétalas da paixão.

Respiro-te o cheiro 
da pele quente,
adivinho-te as vontades
no clarão do teu olhar.

És um vício 
onde me consumo,
por onde ardo,
onde sou mais eu,
viva, ardente,
carente de mais calor (teu).




23 comentários:

ONG ALERTA disse...

Incendeia por amor....
Beijo Lisette

Elvira Carvalho disse...

Isso é que é amor!
Amiga já li todo o livro e adorei.
Desculpe a ausência, mas outros valores se levantaram. Se tudo correr bem dentro de uma semana retomarei as visitas com normalidade.
Um abraço e uma boa semana

Pedro Coimbra disse...

Está perdidamente apaixonada?
Óptimo!
Boa semana

Elisabete disse...

"Amor é fogo que arde sem se ver", já o dizia o poeta.
Bjs

Opinante disse...

Uau :D

Andreia Morais disse...

Perco-me sempre nas tuas palavras ótimas de serem lidas!

Beijinhos*

Laura Santos disse...

É como digo, há fogos que apetece queimem.
Belo poema! Não sei se é apenas o calor do Verão, onde se anda mouro na costa...;-))
xx

Doidas Em Dieta disse...

Muito lindo.
Bj,
Adriana

Mariangela disse...

Um belo amor... lindo!
Beijos,
mariangela

Crocheteando...momentos! disse...

Lá diz o poeta:
"Amor é fogo que arde sem se ver!"
BJ
...e gostei deste calor poético!

Bell disse...

Amor é delicioso, gostoso e envolvente,.

bjokas =)

Arco Íris disse...

O Amor é isso tudo e muito mais....
Por isso mesmo é que é bom AMAR
:)
BJS

Eduardo Maria Nunes disse...

Não te deixes tanto arder,
chama quem apague esse fogo
continua, não te deixes arrefecer
satisfaz o desejo desse amor louco!

Era só o que tinha para dizer,
voltarei noutra altura
para os teus belos poemas ler
sejas feliz com muito amor e ternura!

Beijo.

Maria Eu disse...

Nada como a ardente fogueira da paixão! :)

Beijinhos Marianos, Pérola! :)

Maria Eu disse...

Nada como a ardente fogueira da paixão! :)

Beijinhos Marianos, Pérola! :)

José Carlos Sant Anna disse...

A consumação do amor pela palavra, mas no corpo construído predomina o fogo, o calor, que se prolonga no tato, logo um corpo que se abre à comunhão e intimidade. Ah! Como deve ser bom arder neste fogo! Um belo poema!
Beijo, Pérola!

Guaraciaba Perides disse...

Oi, Pérola erotismo de bom gosto no fogo da paixão.
um abraço

Cláudia disse...

Muito quente =)

Beijocas

Carpe diem to me disse...

Estás perdidamente apaixonada, amiga! Isso é tão bom!
Beijinhos

emanuel moura disse...

"E é amar-te, assim, perdidamente...
É seres alma, e sangue, e vida em mim
E dize-lo cantando a toda a gente!"

Forbela Espanca

Querida amiga nao resisti,adorei o seu poema ardente que tao magnificamente escreveu, muitos beijinhos

Telma disse...

Lindo :)
http://trapeziovermelho.blogspot.pt

Mona Lisa disse...

Uauuuuuuuuuuuuuuuuuuu...até o Sol brilhou com inveja!!!

Magnífico, intenso, escaldante!

Beijinhos.

Arione Torres disse...

Vim lhe desejar uma ótima semana, beijos!!