sábado, 2 de abril de 2016

acampando


Ergues-te em ninho morno
adornado de voos rasantes
como águia em busca de companheira
e depois não me permites a entrada?


Deixa-me acampar em ti, amor,
montar tenda no chão do teu corpo,
deitar-me em ti,
bem juntinha de tuas coxas,
sentir a brisa do teu abraço
como se fossemos um só,
em abrigo teu.

Proporciona-me a entrada em ti
para que possas entrar em mim,
nesse laboratório natural,
selvagem o quanto baste,
por onde me quero alojar
sendo ave
ou outro animal qualquer.

Deixa-me somente . . .
acampar em ti.


26 comentários:

Mona Lisa disse...

Intenso poema de amor/paixão.

Parabéns!

Beijinhos.

Cidália Ferreira disse...

Que poema Fantástico!

Beijo, bom fim de semana.

Coisas de Uma Vida 172

ReltiH disse...

LINDO POEMA. COMO SIEMPRE.
ABRAZOS

Sofia Veloso disse...

Que lindo
Beijinhos
CantinhoDaSofia
Facebook

Francisco disse...

Gostei :)

Bom fim de semana ;)

emanuel moura disse...

Poema magnifico querida amiga ,muitos beijinhos no coração.

Poesia do Bem disse...

Morri de amores e de tanto te ler e amar me inspirei e criei um texto lá no blog, depois veja lá, bjs

Crocheteando...momentos! disse...

Acampar no coração e na poesia faz de nós...pessoas melhores! Bj

Ghost e Bindi disse...

É boa demais esta intimidade, porém há quem tenha medo dela...pois a proximidade pode gerar dependência, quem sabe? Ou outros afetos de que as pessoas fogem.
Mas quem se deixa entregar por inteiro, permitindo que o outro se achegue ao corpo e coração, conhece uma vida de momentos maravilhosos.
Um feliz domingo pra vc!

Bíndi e Ghost

Mari-Pi-R disse...

Que encuentres el camino del pájaro y que puedas refugiarte en el amor.
Un feliz domingo.

XicoAlmeida disse...

Numa aventura "selvagem"...
Gostei.

Zulmira Romariz disse...

Lindo Pérola, muito intimo, bjs amiga

Andreia Morais disse...

Magnífico poema, como sempre!

Beijinhos*

Cláudia disse...

Bonito poema e essa imagem deu-me vontade que viesse o calor e ir passear, viajar...

Beijocas

Meu Velho Baú disse...

Arrebatador.... muito bom :)
Beijinhos

Graça Pires disse...

Um poema de paixão, onde não falta sensualidade...
Gostei. Um beijo.

Labirinto de Emoções disse...

Olá Perola
Um poema de amor lindo e intenso.
Adorei.
Beijinho
Teresa

Pedro Coimbra disse...

Quem é que tem coragem de negar tal pedido?
Boa semana

Juliane Oliveira disse...

Era tudo o que eu precisava ler... Encantada! ♥

Elvira Carvalho disse...

Intenso e amoroso pedido. Será que existe alma capaz de o negar?
Um abraço

Bergilde disse...

"...Deixa-me somente...acampar em ti." Simplesmente sublime e forte sentimento que permite toda essa entrega,confiança no outro ainda que depois...ah, mas para um coração apaixonado o depois quem foi que disse que é importante?! Belíssimo Pérola,abraço fraterno pra ti!

Mirtes Stolze. disse...

Boa noite Perola.
Intenso poema de paixão. Vim lhe avisar que deixei um premio Dardos para você no meu blog. Enorme abraço.

Laura Santos disse...

O doce prazer de acampar!
Um poema muito bem imaginado.
xx

AFlores _ disse...

Adoro acampar ;) aqui :) :)
Tudo de bom!

Agostinho disse...

Acampar é com par.
O eterno namoro de Pérola.

Bj.

► JOTA ENE ◄ disse...

Eh pah ... até ruborizei com o poema. :)

As águias são ph*didas.

Mais a sério, gostei. Poema bem construído.