quarta-feira, 30 de março de 2016

dentro da 'garrafa'


Vivo enfiada nesta garrafa
perdida tantas vezes,
encontrada muitas outras.

Nem sei se nasci deste jeito
ou me fui espremendo
para o seu interior.

Tudo passa,
mas nem tudo vejo
pois viajo em velocidades alheias
por itinerários desorientados.

Acordo e adormeço
dentro deste vidro
que sinto como meu.

Vã ilusão, a minha !


Há que partir limites,
atravessar fronteiras,
soltar o aconchego do abrigo
e ir,
despida de tudo,
em procura de mim.


16 comentários:

Francisco disse...

Gostei muito

:)

Beijos

✿ chica disse...

Gosto sempre de te ler,Pérola! beijos, chica

Crocheteando...momentos! disse...

Por vezes me sinto assim...encurralada!
Gostei imenso...bj

Meu Velho Baú disse...

É incrível a tua imaginação resultando uma bela poesia :)
Beijinhos

emanuel moura disse...

Aprisionados dentro de nós mesmos ,talvez o medo nos nos deixe assim ,gostei muito querida amiga.

Elvira Carvalho disse...

Tantas vezes na vida nos sentimos assim. Engarrafadas, enjauladas, sei lá quantas adas mais.
Um abraço

Poesia do Bem disse...

Lindo demais. E como num belo conto ser encontrada por um amor verdadeiro e dentro de nós nos acharmos a alma afoita por viver de verdade esse amor.
Tem novidades no Poesia

Pedro Coimbra disse...

Message in a botlle???
Bjs

Jovem $0nhador@ disse...

Quantos de nos não vivemos assim? Gostei muito!

Merve'nin evinden disse...

Hello, I'm following you :) ♥

Merve'nin evinden

Cláudia disse...

Adorei.
Transmite sentimentos que conheço...

Beijocas

Cidália Ferreira disse...

Maravilhoso!

Beijo e um excelente dia

Coisas de Uma Vida 172

Andreia Morais disse...

Gosto sempre de te ler!

r: Acredito*

* Edméia * disse...


*Pérola, se despir de tudo para se encontrar ! Acredito que uma só vida é pouco para tanto !!!

*Bom mês de Abril para você e para toda a sua família !!!

*Fiques com Deus.

*Um abraço.

Acordar Sonhando . SOL da Esteva disse...

Perfeição! Quando nos despimos de matéria, tornamo-nos sublimes e o encontro é algo mais espiritual e belo.
Parabéns.

Beijo
SOL

Agostinho disse...

Há pessoas cativas num casulo de indecisão.
Porém, uma Pérola, assim? não! Só a poeta.

BFS