quarta-feira, 21 de agosto de 2013

Erotismo na praia.



Num rasgo de luz eis que apareces.
Dormitava e a claridade quase me cegou.
Palpei dentro do saco e os óculos polarizados salvaram-me.
A nitidez perfeita da tua desenvoltura desconcertou-me.
Sem sinais de humidade na tua pele morena, 
do mar não emergiste.
Na praia semi deserta e de acesso único, 
pergunto-me como não te vi chegar.
Questões desinteressantes.
De momento, o meu olhar prendia-se ao teu desembaraço no areal.
Parecias fazer parte da paisagem natural.
Despretensiosamente, 
aportaste no teu pedaço de toalha e espalhaste o protetor.
Rumaste ao mar alheio aos poucos,
 mas ávidos olhares que se te colavam.
Brincaste nas ondas salgadas qual sereia no masculino.
Já dormente da posição lembrei-me de mim.
Olha se estivesse a ser observada.
Que figurinha !
Transpirada pela exposição prolongada ao Sol procurei a fresquidão que me chamava.
Entre mergulhos fui presenteada com '-a água está ótima!'.
Morri, fui ao céu e engoli uns pirolitos na distração.
O deus caído do céu azul falou-me e os seus olhos condiziam com o mar . . .

Uma gaivota debicava a sandes endurecida no esquecimento provocado pelo cansaço que me adormecera.
Teria  sido sonho ou Sol  em demasia?
Talvez mera realidade!

19 comentários:

Bruxa Mimi disse...

Gostei! imaginei a cena... :-)

mmm´s disse...

Se foi sonho... tornei-a numa representação "real"!

✿ chica disse...

rs...Teria sido miragem pelo forte sol? rs beijo,chica

marina disse...

Agora gostei do que a minha imaginação e as tuas palavras me fizeram!!!
beijinho

Cidália Ferreira disse...

Boa Noite

Hummm que delicioso poema :=)Adorei
Lool terá sido de demasiado sol,

Beijo

http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/



Francisco disse...

Absorvido na foto ;)

Mas o poema é lindooooooooooooooo e o gajo tem um corpoooooooooooooooo

Beijinhos

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Levaste-me até à praia, que desfruto aqui da janela.
Beijinho

aflores disse...

eheheheheh :))))))) é melhor eu estar calado pois estou em "terreno alheio", mas acho que o calor e o sol têm mesmo destas coisas... deixam as pessoas assim... como hei-de dizer...

:)))))))))

Cala-te Alberto!

(pronto, já me calei. Mas não gosto dos calções)

Tudo de bom.

:)

;)

ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

Querida amiga

Penso
que enquanto
existe em nós
o desejo,
também existe em nós,
a vida.

Amar é inspirar
o mundo.

Maria disse...

Adorei seguir contigo esse sonho ou essa realidade...!!!
Bjs
Maria

Lu Nogfer disse...

Uau que caliente!
Quem sabe mera realidade!rs

Muito obrigada querida, pela presença e palavras no Asas dos Versos.

Levando o teu link pra voltar em breve.

Beijo e um lindo dia pra voce!

M D Roque disse...

Nice poem... nice sixpack :)

rosinha cruz disse...

Imaginei a cena :) a praia também tem esses miminhos para os olhos :)
Beijinhos

Evanir disse...

Mesmo , que esteja vendo a vida preto branco.
Olhe para o ceu veja o infito azul onde quem
tem fé no criador encontrara coragem e força para passar
pelas tribulações.
E a noite se emocione com a beleza da lua e do ceu estrelado.
Em cada estrela vera um anjo zelando e olhando por você ..
enquanto a lua ilumina sua linda alma
veras como pode ser feliz na graça e na presença de Deus.
E muito carinho eu trouxe para você , que tanto amo.
Beijos na alma afagos no coração.
Evanir.
PS: fico triste em não poder informar
como anda minha vida;.
Basta vc notar minha ausência creio ,
que já diz tudo.

Socorro Carvalho disse...

Puxa!! Muito belo seu poema!! Amei. Até gostaria de ter uma insolação desse tipo... rsrs
Muito lindo seu blog. Já estou seguindo. Ao mesmo tempo agradeço por me seguir. bjos

www.minhasincpiracoes.blogspot.com.br

edumanes disse...

Erotismo na praia.
Ou em qualquer outro lugar
De prazer se desmaia
Até de noite a sonhar!

Vem brincar na areia
O teu corpo bronzear
Na água pescar uma moreia
Para a noite o teu jantar!

Tem novo perfil o teu cantinho
Uma linda cara nova
Te deixo uma mão cheia de carinho
E um beijo antes de me ir embora.
Eduardo.

emanuel disse...

Quem sabe minha amiga realidade ou sonho apenas o desejo ficou ,beijinhos

Mona Lisa disse...

Sol a mais!

Um poema escaldante!

Beijinhos.

Ricardo- águialivre disse...

Bom dia

Os sonhos, ai os sonhos

Fique feliz
*************************
Gostava que me visitasse(m)

http://pensamentosedevaneiosdoaguialivre.blogspot.pt/