terça-feira, 26 de novembro de 2013

Do Luto



Segundo o Dicionário 'Online' a palavra 'Luto' tem a seguinte signifificação:
"s.m. Profundo pesar causado pela morte de alguém."

A perda de alguém é sinónimo de dor e de luto, sendo este manifestado em cores ou outros hábitos de cada cultura.

Há uma fase de tristeza profunda, de desgosto que se tem de atravessar sob pena de ficarmos reféns desse sofrimento e a patologia mental e/ou física poder surgir.

Eu acrescentaria que os casos em que o luto é necessário vai muito para além da morte.
Ao longo da vida somos protagonistas de situações, acontecimentos, acidentes ou escolhas que nem sempre nos são favoráveis. 

O perigo espreita quando a resolução desse imprevisto não o é feito no nosso interior.

Arrastamos o problema através do tempo.

Não fazendo o luto da perda provocada por aquele incidente, o passado torna-se presente incómodo.
Por vezes, o Agora nem é notado e o futuro é mera ilusão.


Aprender a fazer luto dum amor impossível, duma fortuna lançada ao ar, de um amigo que talvez nunca o tenha sido, de uma característica nossa que devemos despir, de um tempo de felicidade, pode ser uma lição complicada e nem sempre há professores competentes.

Depende, 
essencialmente, 
de cada um, 
da sua forma de encarar a vida, da força que reúne, 
encontrar a maneira de fazer os 'seus lutos'.
Para o próprio bem-estar a todos os níveis.

Talvez aqui o Luto (do verbo lutar) possa dar uma ajuda.
Porque o que está em questão pode encerrar uma guerra de muitas baixas.
E estas podem ser piores do que a morte (física), talvez . . . 



30 comentários:

Francisco disse...

Por vezes o luto é tramado :)

Beijokas

edumanes disse...

Sempre assim pensei na vida!
O futuro é pura ilusão
Tens razão Margarida
Amor, felicidade e paixão
Dá gosto viver lendo tua poesia!
Boa noite para ti amiga.
um beijo
Eduardo.

Laura Santos disse...

Toda a dor profunda, na qual podemos incluir o luto, tem de ter um tempo de vida, e depois morrer também.Caso contrário, fica-se refém do irremediável.
xx

Ana Sofia disse...

...ando um pouco a leste deste cantinho...mas este post tinha mesmo que comentar...concordo quase que inteiramente com ele, contudo tenho que fazer uma ressalva...na vida quase tudo é reversível e apesar de já ter perdido muitas coisas na vida, amores impossíveis, amizades, sonhos, esperanças...acho que de todas as perdas, a pior e mais marcante foi sem dúvida a perda de uma amigo próximo num acidente estúpido! Foi tão mau que ainda hj não sei sequer se passei por todas essas fases do dito luto...
beijinho*
p.s. volto qd tiver mais tempo ;)

nos"entas!!!! ( e feliz) disse...

Perdi o meu Pai aos 20...passei um luto dificil...
hoje ele é a lembrança da falta ....mas aprendi a viver com ela.
beijinhos

dreams disse...

existem coisas na vida sobre as quais só pensar assusta quanto mais vive-las, para mim o luto, nem quero pensar nisso, quando acontecer certamente serei forte para lutar, mas até lá... nem quero pensar nisso, beijinhos grandes doce pérola, boa quarta feira!!

Cidália Ferreira disse...

E por falar em luto! Hoje faz 4 anos que perdi a minha sogra..

Respeito quem faz o seu luto!

beijo

http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

Cláudia disse...

Gostei do post.

Beijocas

Bell disse...

O luto envolve uma perda fisica, seja pela morte ou pelo termino de um relacionamento. Dá sdd, doí, mas a gente cresce.

bjokas =)

lis disse...

Um texto da maneira correta de enfrentar nossos lutos,pois vamos perdendo algumas coisas ao longo da vida _ mas precisamos prosseguir aprender e tornar o luto apenas algo que nos encoraja a fazer melhor sermos melhores_ as coisas todas não são perenes, inclusive nós mesmas.
Gostei Pérola
um abraço

Fernanda Bender disse...

Nunca tinha pensado em outras formas de luto a não ser a perda da pessoa física... fez muito sentido, achei muito boa a postagem pois me colocou a refletir. Beijos!

Margareth Gervason disse...

AMEI SEU POST FALOU TÃO BEM. ESTOU NUMA FASE DESTA E NÃO POR MORTE.
OBRIGADA PELO POST
Obrigada pela visita
Ótima quarta-feira para vc!
Beijos Coloridos!♥♥♥

Cristiano disse...

A fase da aceitação é tão difícil de chegar.

São disse...

Penso que o lito também se faz através de sinais exteriores, no caso da morte.

Como a cultura cigana diz, é uma maneira de ajudar a pessoa a partir.

Quanto aos outros desgostos, pois aí existe um período de nojo que acabará por se dissolver gradualmente.

Abraços

Maria disse...

O luto é doloroso mas sempre necessário...não nos é verdadeiramente permitido avançar sem o fazermos dentro de nós!
Beijinhos
Maria

Maria disse...

O luto é doloroso mas sempre necessário...não nos é verdadeiramente permitido avançar sem o fazermos dentro de nós!
Beijinhos
Maria

Arco Iris disse...

Obrigada pela partilha.
Afinal o luto é muito subjectivo, cada um faz à sua maneira.
Beijinhos

Diana disse...

Coisa nada fácil!

José Carlos Sant Anna disse...

O luto é uma luta para retirar um corpo estranho do corpo, ´é quando as vontades perdem o viço... mas passa.
O seu texto é pedagógico...
Beijos, Pérola!

quem és, que fazes aqui? disse...


"Fazer o luto" implica, antes de tudo a ação que está centrado no próprio "fazer". Há lutos e a luta de os pacificar. Cabe a cada um, com ajuda exterior sempre e se possível, fazê-lo da melhor maneira que encontrar, antes que vire doença crónica. E aí tem de haver também muito de autoconhecimento.

Beijinho

Laura

Lia Noronha disse...

Texto bem emocionante...td é questão de dar tempo ao tempo.
abraços carinhosos a ti

nelma ladeira disse...

O luto,o nome já diz,eu já passei por vários.Não gosto de pensar no luto.
Vivo o presente,vivo a vida!
Beijinhos.

Valéria Gomes disse...

Deixar a tristeza fazer ninho, jamais. Beijo imenso no coração!!!

emanuel moura disse...

Um luto que nos faz refém com perdas irreparáveis que nos marcam para sempre ,beijinhos

A Marafada de Algodão Doce disse...

É o processo mais difícil de todos...

Dorli disse...

Oi Perola:
Luto seria o desgaste mental pela ausência ou tristeza de alguém ou algo que nos foi arrancado de modo brusco e cruel, na qual tínhamos uma ligação de amor ou egoísmo.
O luto é como uma ave que voa alto pra nunca mais voltar.
Meus lutos eu os escondo num cantinho secreto do meu coração, pois se assim não o fizer seria impossível continuar meu viver.
Beijos
Lua Singular

Mona Lisa disse...

Seja qual for o tipo de luto...nunca estamos preparados...

Há que tentar lutar contra a tristeza profunda!

Beijinhos.

Suricate disse...

Pérola: A Marina (Live your Dream) contou-me que num blog qualquer falaram mal jocosamente de ti e da tua escrita. Prometi ajudar. Tive a ideia de publicar um poema teu, para te divulgar, com o respeito que mereces. Concordas?...Se mais alguém quiser fazê-lo pode fazê-lo?
Como/Onde posso copiar um dos teus poemas? para levar comigo?
Aguardo que comunuiques comigo:)

Amiga: Faz o luto que quiseres e precisares, mas depois luta! Sim?

jinhooooossssss

NightDark disse...

Lema: lutar pelo fim do luto!

Beatriz Bragança disse...

Minha querida
Quanta sabedoria na forma de encarar uma situação tão complicada!
Gostei imenso desta sua publicação.Pode crer que vai ajudar muitas pessoas!bem haja!
Seja !;e até ousaria acrescentar que,quando perdemos alguém por morte,achamos mais...
Obrigada por partilhar tão sábios conselhos.
Beijinhos e muitas felicidades e sucesso para o dia de amanhã.
Votos sinceros da
Beatriz