terça-feira, 25 de junho de 2013

Do Passado.


O passado não reconhece o seu lugar: está sempre presente.
Mario Quintana



O passado teima em colar-se como o suor na pele do atleta. 
Cria desordem na argumentação. 
Tudo explica. 
Aconteceu.
Passou.
Duma realidade verificada e confirmada.
Incontornavel.
Insiste tornar-se presente.
Não oferenda, mas facto aceitavel.
Insinua-se no Agora e ai de nós se não prestamos atenção.
Solidifica-se.
Gosta de afastar o futuro impondo-se confortavelmente.
Transveste-se de sonhos e graceja com a acomodação.
O Passado, um convidado familiar.
Que cada anfitrião o ponha no seu lugar.




8 comentários:

Francisco disse...

É bom termos boas recordação do Passado ;)

Beijinhos

Cláudia disse...

Às vezes o passado é bom e portanto não tem mal em vir "incomodar" o presente...
Mas já o outro passado menos bom, que também teima em vir, já podia ficar lá, no passado =S

Beijocas

Sonhadora (RosaMaria) disse...

Minha querida

Voltando (embora ainda devagar), mas com muitas saudades e agradecendo o carinho deixado durante a minha ausência.

Um beijinho com carinho
Sonhadora

✿ chica disse...

O passado pode nos revisitar, mas não podemos apenas viver nele e dele. LINDO AQUI! beijos,chica

my pleasure disse...

Gostei bastante =) O passado é chato quando teima em lembrar nos de coisas que queremos esquecer.. Mas as recordações boas é sempre bom recorda las

Opinante disse...

Há sempre coisas boas para relembrar :D

Kate disse...

Tens toda a razão. Há coisas que não são a priori complicadas, muito pelo contrário. E ´nós só construímos muros e barreiras. Obstáculos que só existem na nossa cabeça.

Depois, há outras, que se não eram, passaram a ser.

Mona Lisa disse...

Grande verdade!

Mesmo não querendo, o passado nunca se esquece!

Beijinhos.