sábado, 5 de janeiro de 2013

* Menina *

20090217011808_large

Entre véus rasgados, tecidos na ternura,
nasce menina arrancada ao morno berço.
Embalada em abraços cantantes, abre-se à vida.

Carinhos mil a nutrem.
Crescendo, aprende a sorrir.
Vestida de candura, a inocência é sua.

Menina  feliz!

Enfeitada de sonhos,
olhos perfumados,
caracóis que se passeiam pela face.

Tudo crê, a doce menina!

Dança o tempo que lhe é indiferente.
Rodopios de mundos desconhecidos.

Menina de puros sentires, ditosa querida.

Onde estás tu, menina afortunada? 

11 comentários:

✿ chica disse...

Linda menina que o tempo levou mas deve viver em nós! beijos,chica

Anonimo Perdido disse...

Sou novo cá no mundo dos blog's, estou em anonimo, mas espero por vocês no meu espaço para me ajudarem com as minhas palavras, visita-me e vê se o queres fazer eu esperarei por ti,

http://demimacabeipordar.blogspot.pt/ sigo, segues-me? (:

Beijinho,
Anonimo.

Rafeiro Perfumado disse...

A menina afortunada abriu os olhos e emigrou... Beijoca!

lena disse...

Que lindo adorei.
beijinhos grandes

Jovem $0nhador@ disse...

uma menina ;)

Francisco disse...

Longe vão os esses tempos...

Beijinhos Grandes

JOTA ENE ✔ disse...

... e fiquei encantado com os malmequeres do teu layout.

P'ra ti amiga votos de um ...

•°*”˜˜”*°•.¸☆ ★ ☆¸.•°*”˜˜”*°•.¸☆
╔╗╔╦══╦═╦═╦╗╔╗ ★ ★ ★
║╚╝║══║═║═║╚╝║ ☆¸.•°*”˜˜”*°•.¸☆
║╔╗║╔╗║╔╣╔╩╗╔╝ ★ NOVO ANO ☆ 2013
╚╝╚╩╝╚╩╝╚╝═╚╝ ♥¥☆★☆★☆¥♥ ★☆

Bjs !

Meu cantinho disse...

que lindo poema. boa tarde.

estrela disse...

gosto da música que toca no teu blog!
e gosto muito deste teu poema!
:)
bjs

Ana Martins disse...

Certamente perdeu-se entre os socalcos da vida!

Muito bonito.

Beijinho,
Ana Martins

manuela barroso disse...

Terá ido uma menina mas ficou outra com outras fortunas!
Como esta que escreve afortunados poemas!
Bjis!