domingo, 15 de janeiro de 2017

MULHER


Mulher que ousas!

Vestes o teu querer,
perfumas-te na segurança,
em caminhar solto
de cabelo penteado
em tuas vontades

És-me inspiração,
ideal sugestivo,
motivo no querer
ser reflexo de ti,
ou,
ainda mais,
aspirar ao desapego
íntimo 
da liberdade.

Mulher sem franquia!

És na ausência de
supostas permissões,
isentas-te de outros
em desprendimentos
orlados de pérolas.

Como eu o quero ser!



10 comentários:

Elvira Carvalho disse...

Gostei.
Um abraço e uma boa semana

Pedro Coimbra disse...

Vivo rodeado de mulheres - mulher, filhas, empregada, colegas de trabalho (são muito mais mulheres que homens).
É óptimo!!
Boa semana

Cláudia disse...

Que bonito.
Forte.

Beijocas

Cidália Ferreira disse...

Bom dia
Parabéns por mais uma excelente pérola poética!Amei

Beijo e uma excelente semana.

http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

emanuel moura disse...

Mulher musa inspiradora de tantos poetas,maravilhosa querida amiga, beijinhos muitas felicidades

Graça Pires disse...

Mulher certeza. Mulher livre...
Gostei do poema.
Uma boa semana.
Beijos.

Francisco disse...

Beijinhos

Ana Bailune disse...

Bonito! Suave e forte ao mesmo tempo, criativo e bem escrito.

Jossara Bes disse...

Linda poesia enfeitada de pérolas, perfumada de inspirações!
Beijo carinhoso!

Edumanes disse...

Em todas as tuas vontades,
encontra sempre o que desejas
desejo-te muitas felicidades
Margarida, onde quer que estejas!