terça-feira, 28 de maio de 2013

***simples***



Na simplicidade de ser simples
sou simples, simplesmente.

Vagueando por sonhos livres
sonho-te, simplesmente.

Simples é o mar onde te navego
a onda com que te entrelaço.

Simples é o prazer que resta
no corpo depois do amor.

Tamanha  grandeza, esta,
a de ser simples.

Atrevo-me a ser simples,
simplesmente.




14 comentários:

Jessy disse...

Adorei, simplesmente ahah
Beijinhos :)

JP disse...

Atreve-te....simplesmente!

E ficarás bem contigo

Beijo

Lilá(s) disse...

Simplesmente maravilhoso!
Bjs

Jovem $0nhador@ disse...

O simples é o melhor da vida!

Francisco disse...

Caso para dizer: Para quê complicar?!

Bjs

Cláudia disse...

Olha que mais simples é impossível.

Beijocas

Opinante disse...

Muito bom :D

Bom dia querida!

Louraini Christmann disse...

Gosto muito do teu estilo.
Voltarei sempre
abraço

Mona Lisa disse...

A beleza ideal está na simplicidade calma e serena.

(Johann Goethe)


Belíssimo poema!

Beijinhos.

Mam'Zelle Moustache disse...

E é tão bom quando conseguimos descomplicar o que, há partida, não era simples... :)

Mam'Zelle Moustache disse...

upsss... "à partida", obviamente

Blackbird disse...

Simples mas lindo! Adorei :)

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Não é nada fácil ser simples...
Beijinho

Sister disse...

ah, boa flor!!
adorei.
Cheiiirinho *-*