quarta-feira, 3 de setembro de 2014

Do meu lápis


O lápis aquece-me a mão
nos letras que contém,
nos traços que o engordam.
Quer soltar-se,
esperneia,
grita
de forma que só os lápis sabem.

E ele sabe!

Sabe tanto.

Não!
Sabe mais do que eu,
dá-se ares de adivinho,
como se me lesse do avesso.
Eu deixo,
permito,
o seu carvão se espraiar
por aí.

Leva-me a mão atrás,
desenha,
escreve o que tento disfarçar.

No seu rascunho,
os contornos doces do teu corpo,
o toque macio da tua pele,
os teus dedos suaves
em explorações gostosas.

Mais uns traços,
solta-se a humidade do teu beijo,
o aperto do teu abraço,
o aconchego de ti dentro de mim.

Ainda outro rabisco,
por onde me perco,
é o teu olhar feiticeiro
com que me despes
em faúlhas de paixão.

Vai gastando o bico,
este meu lápis sabedor,
em palavras,
esborrotadelas,
transformadas
no descaminho que és tu.


41 comentários:

Edumanes disse...

Explorações preciosas...
amor, ternura e paixão
aquelas coisas gostosas
que não magoam o coração!

Um beijo.


Cidália Ferreira disse...

Bela inspiração, como só tu sabes fazer.

Dá corda a esse lápis para não parar de escrever.
Beijos

http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

✿ chica disse...

Só posso te aplaudir mais uma vez! lindo! beijos,chica

Marcos Satoru Kawanami disse...

Jovial.

adaobraga disse...

Gostei da licença poética. O uso desta figura de linguagem, salvo engano é a hipálage.

Pouco utilizada, mas, agradável!

José Carlos Sant Anna disse...

O melhor que fazes é não apontar o lápis muitas vezes e pedir-lhe que guarde algum segredo para um desvelar/velar contínuo...
Beijo, Pérola!

Toninho disse...

Uma bela construção neste sentimentos a arte de escrever nos caminhos da inspiração.
Parabéns.
Abraços

Maria Alice Cerqueira disse...

Por favor, me perdoe pela copia e cola.
Mas hoje é por um motivo especial.
Levar ao conhecimento de todos aos meus amigos o meu mais recente trabalho.
Desde já agradeço o seu carinho, sua atenção e sua compressão.

Vem ai Uma Menina Chamada Esperança!
Em breve comunicarei o lançamento deste emocionante livro! Que ao voltar no tempo dos nossos antepassados, nos faz renascer para a chama da esperança, - olhar para o futuro e ver nossos sonhos realizados!
Querida amiga, eu ficaria muito feliz se pudessem me ajudar a divulgar meu mais novo trabalho, o qual foi feito com muito carinho e dedicação para todos os leitores que gostam de viajar entre as palavras de um livro. É um livro juvenil, mas que com certeza vai tocar o coração de todos. Assim é o que eu desejo.
Penso que estou pedindo um pouquinho demais, mas se for possível me ajudar também curtindo Esta postagem na minha pagina e a pagina deste livro no face eu lhe agradeço de todo o coração.
Muito obrigada!

https://www.facebook.com/UmaMeninaChamadaEsperanca?fref=nf



Logo que tiver uma data precisa do lançamento do livro avisarei a todos.
Conto com o apoio de cada um de vocês, para a Menina Esperança realizar o seu sonho!
Desde já agradeço o seu apoio e amizade.
O meu muito obrigado
Que Que abençoe a cada um e uma de vocês, meus amigos e amigas.

Maria Alice

Andreia Morais disse...

Há dias em que o lápis parece ganhar vida própria e saber mais do que nós.
Adorei, como sempre!

Beijinhos*

miak disse...

Obrigado (again).

ReltiH disse...

GENIAL TU INSPIRACIÓN!!!
UN ABRAZO

Marisa Giglio disse...

Pérola ,

Belo lápis este seu .
Gostei , como sempre .
Beijos

Pedro Coimbra disse...

Sabe do que é que me lembrei?
Por aqui há o péssimo hábito de dizer que, quando uma pessoa vai de férias só um dia, vai de "féria".
E eu já perguntei várias vezes se essa pessoa faz o pedido preenchendo o formulário com um "lápi" :))

Carmem Grinheiro disse...

Bom dia, Pérola
Belíssimo poema. Dancei ao ritmo das suas palavras.
E sorri, ao constatar que, como pensei quando já ia a meio, que havia de já estar gasto o seu lápis - pois que então você nos diz que «vai gastando o bico, este meu lápis sabedor» - mas não faz mal, "reconstrói-se" a ponta e deixa-se que siga em frente.
Adoro.
bjo amigo

PINTA ROXA disse...

Seja qual for o tema, consegues sempre maravilhar-nos.
Pinta

Marina Fligueira disse...

Increíble lo que hace un lápiz... Pérola.
Escribió unos versos muy hermosos que llegan al alma.

Ha sido un placer.
Un abrazo y feliz día.

Arco-Íris de Frida disse...

A escrita do coraçao feita pelo sabio lapis...

Beijos...

Laura Santos disse...

A mim é a minha Bic que me denuncia, faz-me sempre escrever o que quero e o que não quero!...;-))
Muito bom!
xx

Desbravadores de Livros disse...

Escrever é uma bela inspiração e essa poesia fez-me sentir dessa forma. Adorei

M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista. São 6 livros para escolher e 2 ganhadores

Bell disse...

Qdo a gente pega um lápis um universo mágico se abre e inúmeras possibilidades podem aparecer.

bjokas =)

Sónia TM disse...

Belissima inspiração

Sónia
www.tarasemanias.pt

Ricardo- águialivre disse...

Um lápis pode ser mensageiro dos nossos gostos e pensamentos, n ão é verdade?
Gostei muito do poema, da sua intensidade, e da foto que é deliciosa

Deixo cumprimentos

Querendo, visite(m) - me

http://pensamentosedevaneiosdoaguialivre.blogspot.pt/

vendedor de ilusão disse...

Puxa!... Que poema lindo!... Com lascívia implícita, porém latente em versos que transbordam e inspiram sensualidade... Divinamente belo!
Abraço e até mais ver!

emanuel moura disse...

Um lápis que desliza com a suavidade de tao belos sentimentos que ganham vida a cada letra que escreve ,muitos beijinhos querida amiga Perola.

Mona Lisa disse...

Um lápis intenso, escaldante...que ninguém rejeita!!!

Excelente poema!

Beijinhos.

Arco Íris disse...

Um simples lápis e uma imaginação tão Poética, só pode ter este resultado.
Lindo.
Bjs

bonequinha nota mil disse...

O Lápis da Pérola é muito Criativo, Sensível e Sedutor! Beijos Querida! Fique com Deus!

bonequinha nota mil disse...

O Lápis da Pérola é muito Criativo, Sensível e Sedutor! Beijos Querida! Fique com Deus!

Denise disse...

Lápis fantástico, que consegue transformar em traços as marcas da paixão. Lindo! Muita paz!

Andreia Morais disse...

Obrigada, de coração, pelas palavras!

Beijinhos*

São disse...

Excepcional este teu poema!E com uma ilustração linda


Bons sonhos, Margarida :)

Ivone disse...

Lindo poetar, às vezes o lápis vai mais rápido e acontece essa primorosidade!
Abraços amiga poetisa!

ONG ALERTA disse...

Sempre nos encanta, beijo Lisette.

Guaraciaba Perides disse...

Oi, Perola, bem interessante ...um lápis em ligação direta com os sonhos da menina de tal forma que revela os seus mais íntimos sentimentos,quase a revelia da intenção.
Gostei!
Um abraço

FireHead disse...

O Pessoa escreveu sobre um pensativo cigarro que se fuma. Já contigo é sobre um sábio lápis que escreve. :)

Beijinhos e bom fim-de-semana.

Inês Direito disse...

As tuas palavras são sempre de uma beleza extraordinária!
beijinhos
http://direitoporlinhastortas-id.blogspot.pt/

vitorchuvashortstories disse...

Olá, Pérola!

Pensamento à solta, ou a história dum lápis que bem conhece a dona... Que por acaso até tem um traço bonito, e escreve muito bem.

Beijinhos
Vitor

A disse...

Fantástico!

Bang Kao ♪ ~ disse...

Gostava tanto de escrever! É uma pena que eu tenha tido tendinite com o tempo. Agora só pelo teclado que me sinto mais confortável para expor minhas idéias. Mas sim, me deu vontade de escrever a mão agora!
Seus escritos são sempre lindos!
Beijos!

Agostinho disse...

Uma bela fantasia na ponta de um lápis...
- era tudo muito bom?!
- é!

EU disse...

Que lápis tão deliciosamente indiscreto!
Adorável mesmo, pois gizou um poema lindíssimo!
BJO, querida Pérola :)