sexta-feira, 27 de abril de 2012

Bolinha vermelha !

"DESPERTA-ME DE NOITE
O TEU DESEJO
NA VAGA DOS TEUS DEDOS
COM QUE VERGAS
O SONO EM QUE ME DEITO.
É REDE A TUA LINGUA
EM SUA TEIA.
É VICIO AS PALAVRAS
COM QUE FALAS.
A TRÉGUA
A ENTREGA
O DISFARCE.
E LEMBRAS OS MEUS OMBROS
DOCEMENTE
NA DOBRA DO LENÇOL QUE DESFAZES.
DESPERTA-ME DE NOITE
COM O TEU CORPO
TIRAS-ME DO SONO
ONDE RESVALO.
E EU POUCO A POUCO
VOU REPELINDO A NOITE
E TU DENTRO DE MIM
VAIS DESCOBRINDO VALES".
Maria Teresa Horta

7 comentários:

ponto e virgula disse...

palavras vestidas de amor...
e o mar, sempre o mar e a sua voz.


a...té

Katty disse...

Não há nada como a paixão em palavras =)

Marta Pinto de Miranda disse...

que poema! hum, suspiros! :)

(Aproveito para te convidar a participar num passatempo no meu blog, sorteia-se um biquini da women´secret*)

um bj*
marta
marcasporamor.com

mfc disse...

Este poema da Maria Teresa Horta é lindo de morrer!
Ele diz tudo sobre o amor e não faz o que muitos por pudor fazem, que é separar o amor do desejo.
Um e outro estão de mãos dadas e completam-se.
Uma grande escolha, Pérola.
Beijinhos

APENAS PALAVRAS disse...

Quão grande e prazeroso é me deparar com uma escrita tão fabulosa especialmente se tratando de receitas como esta na qual sempre nos traz coisas novas e enovadoras e ao mesmo tempo genial naquilo que deixas correr de maneira suave através da fragelidade de tuas mão na força dos teus mais puros sentimentos que move e comovem toda uma geração...Daquele assim como eu preza a grandeza e a doçura de tuas lindas palavras que de uma maneira peculiar deixas parte de ti daquilo que és no intimo...Deixo-te um longo e acalorado bj de afeto em seu mais puro coração... E parabéns pelo blog, e por fazer parte do meu cantinho contribuindo de uma forma direta e indireta... Com teus lindos comentários.
no qualpodera estar deixando nomeu blog.....ja estou te seguindo estendo-te o convite a fazer o mesmo...em http://www.uanderesuascronicas.blogspot.com

E CONFESSO ME DESLUMBRO CADA VEZ QUE EU VENHO AQUI E ME DEPARO COM TUDO ISSO

Opinante disse...

Possa, estou fascinada! Lindo!

Blackye disse...

Óptima escolha de um poema! lindas palavras :)

Beijos