quinta-feira, 12 de abril de 2012

A Pesca

 
A grande maioria das pessoas não gosta da caça, das touradas e outras actividades que envolva o sofrimento e a matança dos bichinhos.
Também me causam calafrios.
Ingiro  animais já mortos e vegetais que presumo ainda vivos conforme já postei aqui.
Agora a pesca, que fez as minhas delícias de criança, é considerado uma área à parte. E porquê?
Passo a explicar:
Mesmo os vegetarianos e amigos das causas animais, de louvar tenho a constatar, e outros mais distraídos parecem não se lembrar que a pesca é a caça dos mares, oceanos e rios.
Enquanto na caça, selvajaria para muitos, nos quais me íncluo, os animais vivem no ambiente terrestre ou aéreo, mas igualmente selvagens, na pesca, o habitat é a água. Os peixes vivem em perfeita liberdade e harmonia com a natureza, e nós presenteamos-los com a morte por  asfixia, pior fim que o choque rápido dado a outros animais.
Já não falo da piscicultura. Debruço-me sobre os peixinhos, mariscos e familiares aquáticos que tão bem nos sabem e fazem a dieta de muitos fundamentalistas da alimentação.
Na caça há regras estritas, nem sempre respeitadas, na pesca também há leis, mas parece que ninguém se importa de comer um belo dum salmonete pescado selváticamente, livre até ao ser apanhado nas malhas dos homens.
Porquê, então tanto alarido pela forma como se criam e abatem os seres vivos de criação?
Eu, sou sincera, considero-me uma predadora envergonhada e não faço distinção entre uma galinha ou um pargo. Alimento-me para sobreviver, mas com as entranhas a inquietarem-me.
São discussões que se querem ganhar, mas não há volta a dar. O Homem está no topo da cadeia alimentar e somos piores que pragas de gafanhotos.
Não olhamos a meios para atingir os fins. Basta olhar como destruimos o Planeta Azul para nosso bel prazer.
Chega de argumentações fictícias!

4 comentários:

tétisq disse...

A alimentação é necessária, já os maus tratos aos animais não...*

A♥ disse...

Deixei de comer carne há alguns anos, mas peixe ainda não consegui. Preciso de variar mais e ter mais conhecimentos acerca da alimentação vegetariana para o conseguir fazer. Mas lá chegarei, principalmente por amor e respeito aos animais.

Big Kisses

mfc disse...

Eu continuo a comer carne e peixe... mas não sou indiferente à crítica!
E prefiro peixe à carne, mas quando a comidinha é bem feita... cai que nem ginjas!!
Ohhh... se não cai!!
Beijos.

Blackye disse...

Foi um excelente tema que se levantou aqui e, agora mais do que nunca, anda a ser debatido por todo o lado, há medida que o consumo de carne tem vindo a aumentar.
Quando era nova sempre me fez muita confusão, a morte e o sofrimento dos animais, no entanto depois optei por um curso que me obriga a lidar com isso e mudei a minha forma de pensar...
Não me faz confusão matar animais para comer, e acho um exagero quem que afirma que sim, há 2 coisas bem distintas: matar para comer e maltratar os animais só por piada.