terça-feira, 8 de outubro de 2013

Presa em Mim !



Abismos abrem-se
e o eco da minha voz extingue-se
na poeira do vento.

Ensaio voos livres
quimeras inscritas 
em rochedos resignados.

Sou ave humana
habitante de horizontes abertos.

O céu aguarda-me
em entrega total.

Estou presa
inibida
condenada
pelo obstáculo que sou Eu.



27 comentários:

Géssica (Kinha) disse...

Passando para desejar uma linda semana! Obrigada pelo carinho de sempre..
beijo

Diana Filipa Fonseca disse...

Tentei imaginar uma ave humana, és tu sem dúvida, nesses voos fantásticos de palavras!

Ritinha disse...

Bom dia!!!
As vezes nos sentimos assim mesmo, presas a nós mesmas e em muitos casos não conseguimos nos soltar...
Palavras bem escritas e mensagem perfeita.
bjs
Ritinha

edumanes disse...

Presa em ti!...
Não, presa a uma corda
Prendida numa árvore vi
Estás a sonhar, acorda.
Antes se caíres no abismo
Não fiques empoeirada
Para não sujares o teu vestido
És livre a voar no pensamento
Ave humana tem cuidado
Quando voares contra o vento!

Boa dia, com alegria
Não fiques em ti presa
Que eras ave não sabia
És humana com certeza!

Um beijo para ti amiga Pérola.
Eduardo.

Opinante disse...

Fez-me voar em pensamentos!

Opinante disse...

Fez-me voar em pensamentos!

nelma ladeira disse...

Olá bom dia!As vezes nos sentimos prezas em tudo,mas depois passa!
Agradeço sua visita.
Eu postei o vídeo com a letra,porque acho linda!Mas jamais faria isso por ninguém beijinhos.

Maria disse...

«o obstáculo sou eu»...e eu hoje percebo-te particularmente bem!
Beijinhos
Maria

Cidália Ferreira disse...

Gostei

Identifico-me..

beijo

http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

Observador disse...

Uma pérola, esta escrita.

✿ chica disse...

Intensa, profunda, linda!! beijos,chica

Bell disse...

Às vezes nos sentimos assim.

bjokas =)

Laura Santos disse...

Belo poema, Pérola!
Todos nós somos aves, o céu está sempre à nossa espera, o problema é conseguir realmente voar, e abraçar todos esses horizontes abertos...:-)
xx

Arco Iris disse...

É sempre um prazer ler e sentir o que escreves.
Bjs

Secreta disse...

Essa liberdade habita-te, ainda que (te) passe despercebida.
Beijinhos.

lena disse...

Olá Pérola.
Adorei a foto e o texto. Fez-me lembrar uma frase que eu li há muitos anos "podes ser o que quiseres só existe um obstáculo tu mesmo" e é uma grande realidade. Parabéns pelo texto.
Beijinhos grandes,

Carpe diem to me disse...

Escrita particularmente deslumbrante, Pérola!

Beijinhos

Fê blue bird disse...

O pior obstáculo é o nosso EU. Lindo e reflexivo como sempre.

beijinho

Beatriz Bragança disse...

Querida Pérola
Às vezes acontece que,sem bem sabermos a razão, não somos capazes de vencer a inércia!
A minha amiga,porém,disse-o de uma forma tão poética, que tenho a certeza de que vai ultrapassar essa tristeza.
Ou então...eu canto:« Tristeza,por favor vai embora...»
Muitos parabéns.
Beijinhos da
Beatriz

Francisco disse...

Gostei muito :D

Beijokas

emanuel disse...

Quantas vezes sentimos a necessidade de nos abstrair deste mundo confuso e voar para bem longe onde possamos encontrar a paz que tanto necessitamos,beijinhos

quem és, que fazes aqui? disse...


O "Eu" é isso mesmo... abismos, rochedos, ave, céu e, para nossa desgraça... prisão.

Beijo

Laura

Cláudia disse...

Interessante

Beijocas

edumanes disse...

Venho dar uma espreitadela
Com esperança de te ver, em ti
Naquela corda libertada
Mas fiquei triste quando te vi
Daquela forma a seres castiga!

Boa noite e bons sonhos.

Lilá(s) disse...

Quando lançares o teu livro de poesia não te esqueças de me convidar ok? quero um com autografo....
Bjs

Maria disse...

è sempre agradavél passar por aqui*

A Marafada de Algodão Doce disse...

Que lindo!

:)
Boa semana*
Muita inspiração*