sábado, 2 de junho de 2012

Crónic@s No Feminino ( parte XV)

Madalena desligou o PC abrutamente e refugiou-se no bar, repleto de colegas de trabalho, que se encontravam por ali, já no gozo, antecipado, do fim de semana já instalado.
Tomou um chá e falou com Sandra, contando-lhe resumidamente do encontro e das duas mensagens já recebidas. Sandra nem se espantou, apesar do desassossego da amiga. Conhecia bem os o universo masculino e de como eles eram capazes de tudo.
Sensata, como sempre, lembra-a de que só ela pode decidir o que fazer. Contudo, relembra que encontrando-se Ele na cidade, e conhecendo-o, nunca mais a deixaria em paz até que Madalena aceda a falar com Ele ou então a mostrar-lhe novo amor.
Como não havia romance na vida de Madalena, não por falta de pretendentes ao cargo, a segunda hipótese ficava descartada.
Mesmo na empresa, um colega sénior, do andar de cima, cortejava-a, assediando-a duma forma quase infantil, há algum tempo. Pedro, um homem sério no trabalho, divertido entre amigos, sem grande passado conhecido. Solicitado por muitas meninas, mas só Madalena o encantava, tinha-o enfeitiçado, dizia à laia de desculpa.
Estava certa a sua amiga. 
Iria enfrentar o 'bicho' de frente e não se acobardaria. Tal como no tribunal, seria objectiva, concisa, profissional e no final do jantar, o capítulo «S» teria um 'THE END'.
Resoluta, liga o computador e envia-lhe uma resposta em breves palavras dizendo que tinha muito trabalho e precisava de descansar, todavia poderiam jantar no restaurante 'Deles' (não lhe agradava voltar a usar a expressão, contudo era assim que se referia ao 'Sushi In', por ser o local onde se sentia como numa segunda casa).
Agendou o encontro para daí a três horas, pelas 20 horas.
Daria tempo de ir a casa, trocar de roupa e alinhavar uma estratégia.
(continua)

6 comentários:

Vic disse...

Lá vou eu ter que ler tudo de princípio... :)

Su disse...

Só hoje descobri a tua crónica e já fui ler tudo. Estou à espera da continuação.
Beijinhos :)**

Ana Martins disse...

Pérola, boa noite!
Aguardo para ver como a Madalena se sai. Continua muito boa a tua crónica.

Beijinho,
Ana Martins

Rafeiro Perfumado disse...

Depois admiram-se que os PC avariem, a serem assim desligados abruptamente.

Margarida Alegria disse...

O "Rafeiro", sempre observador! ahaha!
Pérola, as crónicas estão a conseguir espicaçar cada vez mais a minha curiosidade!
Vamos ver no que dá o tal jantar! :)
beijo

aflores disse...

Lembrei-me agora daquele estudo americano (os tipos têm a mania, mas não há nada a fazer...) que fala das relações entre colegas de trabalho, e a produtividade.

;):)

Lembrei-me, só isso

Tudo de bom.

(também há um estudo que confirma (e analiza) o aumento de acidentes cardio-vasculares, em quem tem relações extra-conjugais :o) (mas desta vez o estudo é Português...)

eheheheheheh