domingo, 1 de julho de 2012

Negro Profundo ( 9 )

De rompante, encontra-se no acampamento, lendo as folhas, manuscritas, com os seus poemas prediletos. Ainda há pouco os deconhecia. Como a vida pode ser engraçada, pensava para si.
A mãe vem avisá-la de que o pai quer falar com ela. O semblante transfigura-se-lhe.
Para quase tudo a autoridade da mãe bastava. Só os casos especiais e de suma importância estavam reservados à alçada do pai.
Levanta-se, volta a entrançar os longos cabelos negros e dirige-se à tenda principal, onde os mais velhos estão reunidos.
Apesar de preocupada, a sua altura e porte de mulher permitem-lhe o desembaraço.
O pai chama-a para perto de si. Prega-lhe um sermão, em poucas palavras, sobre as virtudes da família, como era seu apanágio e acrescenta que tem um presente para ela. Samara cora, não era habitual ser alvo de mimos e atenções especiais, muito menos da parte paterna.
A sua irmã mais velha, casada e grávida, nos seus inexperientes dezasseis anos, sorri-lhe e dá-lhe a mão. Samara ainda lhe lança um olhar interrogativo. A irmã devolve-lhe um nervoso risinho cúmplice.
A menina/mulher começa a não achar piada ao clima que se respira e sente. Vozes sussurradas, enfim, uma festa em surdina.
Samara, julgando-se motivo de chacota, reclama explicações, mostrando uma faceta nada habitual,  no seu comportamento.
A mãe põe-lhe as mãos sobre os ombros, acalma-a, dizendo que estão todos muito felizes, para não se alarmar.
O pai, chamado ao seu papel de mensageiro e chefe da trupe, anuncia o que todos já sabem exceto Samara: "Parabéns! Filha, tens noivo. Vais casar daqui a dois meses."
(continua)

7 comentários:

C. disse...

e se nos acontecesse a nós? aiai...já lá vai o tempo e ainda bem.

Dulce Morais disse...

Gostei muito! Parabéns. Aguardo a continuação com impaciência.

Alergia disse...

Ai que desgraça!
E que idade tinha Samara então? :(
Vai ser lindo, pois... já se adivinha...

Mona Lisa disse...

Surpresa total!

Porque tinha sido expulsa?
Por amar alguém de etnia diferente?
Que idade tem Samara?

Criaste um suspense total!

Só me resta esperar!

Beijos.

Tétisq disse...

Oh, meu Deus coitada da miúda...eu fugia logo!Nem esperava para ver a cara do rapazito( também uma criança, imagino, porque se não for isto ainda é uma desgraça maior).*

Violeta Santos disse...

Concordo, obrigada ;)

ONG ALERTA disse...

Vamos ver no que vaidar,beijo Lisette.