quarta-feira, 21 de março de 2012

Mim Tarzan...

                                                                            
O Confúcio, e  a sua teoria do Bom Selvagem, como acrescentou o mfc, versus a educação imperiosa ao nosso crescimento, plantou ainda mais sementes de dúvida na minha cabecinha.
Os vossos comentários criaram uma tendência para a importância da educação, sem a qual não podemos crescer.
Talvez porque queira acreditar que todos os homens são bons no seu íntimo. Seriam as circunstâncias da vida que condicionariam e aprisionariam  a essência do bem, íntrinseca a todos os seres humanos.
Ou poderemos ser portadores dum gene do mal?
Nascendo com a predisposição para magoar-se a si próprio e/ou os outros, como inverter a situação?
Ou não há ADN de qualquer espécie ligado ao bem/ mal e ponto final?
Tudo se decide na educação.
Como explicar, então, desvios monstruosos em crianças que tudo recebem para serem adultos equilibrados?
Foi aí que me lembrei do Tarzan. Esse mesmo, criado no seio da selva, por animais, mas com principios e valores de amizade de fazer inveja a muitos meninos educados em colégios internos.
Desconheço se os estudos ciêntificos já chegaram a alguma conclusão sobre este tema.
Por agora, reconheço a influência do social com a educação incluída, mas a parte genética também me parece ter uma palavra a dizer.

6 comentários:

Vera, a Loira disse...

Uma vez vi um dicumentário sobre este assunto. Eles testaram gémeos. Com o mesmo tipo de educação, a viver na mesma sociedade e no final diziam que há partes de nós que vêm no genes e outras que adquirimos com a experiência de vida, é como se o nosso cérebro estivesse dividido em duas partes.

Pérola disse...

também acredito que somos o resultado das dias dimensões. Não conseguimos ser só a educação ou só a genética. Complementam-se umas vezes pior, outras nem tanto, para nosso bem.

mfc disse...

A genética e o meio combinados formam o indivíduo!
E não substimemos a influência do meio, já que houve inúmeros estudos de gémeos que foram educados separadamente e construiram personalidades absolutamente opostas.

Pérola disse...

Sei dessesestudos com gémeos e podem ser surpreendentes para os dois lados. Mas, somos um todo!

Aimee Victoria Long disse...

Omgosh, such a cool post, thank you for sharing it. Great picture! I found your blog from a comment you left on another blog and really love it, would you like to follow each other?
Also, if you have facebook, I would be so grateful if you liked my page: http://www.facebook.com/newyorkdoll

All the best,
Aimee
www.new-yorkdoll.blogspot.com
xxx

Pérola disse...

Tank you so much, my dear.
You're, always, welcome.
Kiss!